Pronnus Tecnologia

Cultura de segurança da informação: como adotar e quais benefícios para a sua empresa

Com os inúmeros casos de vazamento de dados e ataques cibernéticos acontecendo, desenvolver uma cultura de segurança da informação é fundamental para qualquer empresa.

O vazamento de dados e ataques podem gerar grandes prejuízos, sejam eles financeiros ou a perda de credibilidade da marca. Neste artigo, vamos abordar o que é cultura de segurança da informação. Além disso, vamos destacar quais práticas devem ser adotadas na sua empresa. E por fim, apresentaremos 3 benefícios do desenvolvimento da cultura da informação.

Compreender esses aspectos é fundamental para proteger os dados sensíveis, prevenir incidentes de segurança e fortalecer a confiança dos clientes e parceiros em relação à sua organização.

O que é segurança da informação

A segurança da Informação refere-se à defesa de dados, o que envolve garantir que apenas usuários autorizados acessem computadores, dados e redes. Além disso, é fundamental certificar que todas as informações mantenham sua integridade, disponibilidade, autenticidade e confidencialidade. Proteger as informações contra acessos não autorizados, manipulação indevida, interrupções e divulgação não autorizada são aspectos essenciais.

A implementação de medidas de segurança adequadas é crucial para mitigar os riscos cibernéticos e proteger os ativos de informação de uma organização.

Com isso, existem várias práticas que podem ser utilizadas nos processos da organização. Como métodos de autenticação e controles de acesso, para que assim, as empresas possam certificar-se de que o usuário é realmente quem diz ser, garantindo a segurança dos dados.

O que é cultura de segurança da informação

A cultura da segurança da informação é o conjunto de práticas adotadas por uma organização, com o objetivo de proteger as informações e os dados contra tentativas ilegais de acesso, risco de usar inapropriadamente seus dados ou até mesmo perdê-los.

O objetivo da cultura de segurança da informação é conscientizar os colaboradores sobre os riscos aos quais a organização está exposta diariamente. Isso inclui questões como o uso de dispositivos não autorizados, conexão de pen drives externos e outras falhas que podem ocorrer.

Boas práticas de cultura de segurança da informação

Existem algumas práticas que podem ser adotadas para que a cultura de segurança da informação ocorra da forma mais tranquila e natural possível. Confira as práticas a seguir:

Incentive a consciência

Mesmo em uma microempresa que possua poucas máquinas e dados, é necessário investir em segurança. E para que isso aconteça, precisa-se educar os gestores da organização sobre o assunto.

É importante utilizar a tecnologia para realizar a correta administração e controle das informações, já que atualmente tudo é armazenado e acessado de forma digital.

Invista em treinamentos

Investir em treinamentos é importante para evitar que erros sejam cometidos pelos próprios colaboradores da empresa. Além disso, a falta de conhecimento sobre processos tecnológicos pode fazer com que os colaboradores se tornem vulneráveis a ameaças escondidas em sites, e-mails e até arquivos maliciosos. Esses ataques podem incluir técnicas como Phishing e até mesmo Ransomware. Portanto, fornecer treinamentos adequados é fundamental para capacitar os colaboradores a identificar e lidar com essas ameaças de forma eficaz.

Mas sem um treinamento sobre o assunto, fica difícil para o colaborador compreender sobre o que se trata esse tipo de problema. Disponibilizar treinamentos sobre sistemas de segurança é importante para que o profissional desenvolva uma perspectiva cuidadosa e mais responsável em relação à proteção de dados.

Mantenha uma boa comunicação

Além de investir em treinamentos, garantir uma boa comunicação na empresa faz a diferença. Incentive os colaboradores a relatarem problemas que podem acontecer. Assim eles também ficam mais à vontade para conversar e avisar o time de TI sobre uma possível ameaça no sistema.

Crie métricas e documente as políticas de segurança

Para que seja mais fácil descobrir qual plano de ação é mais conveniente para sua empresa, crie métricas e também documente as políticas de segurança. Dessa forma fica mais fácil identificar os pontos fracos e assim criar estratégias que irão beneficiar os processos internos.

Quando falamos de internet, é indispensável ter conhecimento sobre como utilizamos e tratamos as informações, além de conhecer os sistemas que utilizamos de acordo com a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados).

Leia também: 7 Benefícios das aplicações em nuvem para as empresas

3 Benefícios do desenvolvimento da cultura da informação

A cultura da segurança da informação possui diversos benefícios, confira 3 deles a seguir.

  • Aumento da lucratividade

De acordo com o relatório da IBM, mais da metade das violações de dados ocorridas formam uma parte significativa dos custos incorridos pelas empresas. Além da perda financeira, a empresa também enfrenta uma perda indireta: a reputação da marca pode sofrer um forte impacto, o que resulta na diminuição da confiança dos clientes.

  • Retenção de clientes

Os clientes estão dispostos a fazer negócios com empresas que passem confiança, especialmente quando se trata da segurança de seus dados. No entanto, quando ocorrem violações de dados de uma empresa, é comum que os consumidores abandonem completamente a empresa. Essa perda de confiança pode resultar em impactos significativos, tais como a diminuição de vendas, danos à reputação e perda de participação de mercado. Portanto, é crucial para as empresas garantir a segurança dos dados dos clientes como parte integrante de suas estratégias de negócios.

Ao aumentar a confiança dos clientes, aumenta-se também os lucros por meio da retenção de clientes. E quando a empresa investe em segurança cibernética, ela se torna mais bem vista para outros consumidores, atraindo novos clientes.

Retenção de colaboradores e aumento da produtividade

Quando a empresa treina os colaboradores para lidarem com ameaças de segurança cibernética, eles se sentem mais preparados para evitar contratempos, o que resulta em um aumento de sua produtividade.

A Kaspersky destaca em seu relatório quais são os efeitos nos colaboradores das empresas que sofrem violações de dados. O relatório salienta que 33% dos colaboradores ficam muito estressados no trabalho, quando ocorre uma violação de dados. É importante ressaltar, também, que cerca de 24% dos dados vazados são informações pessoais.

É importante que a empresa forneça cultura de segurança da informação, cumprindo as obrigações de segurança, ao mesmo tempo aumentando a retenção e produtividade dos colaboradores.

E aí, gostou das nossas dicas? Continue acompanhando nosso blog com mais conteúdos sobre o assunto!

Cuide da segurança dos seus dados com a Pronnus

Aumente a proteção do seu negócio contra ameaças virtuais com a Pronnus. Solicite contato dos nossos especialistas

Últimas Notícias

Receba nossos
conteúdos gratuitamente
Deixe sua mensagem que logo entraremos em contato!